Renato Miguel do Carmo
Departamento de Sociologia
Email
Renato.Carmo@iscte-iul.pt
Gabinete
D2.22
Telefone
2179650336
Telefone (Ext:)
221060
Cacifo
257
Ligações externas
Resumo CV
Renato Miguel do Carmo é professor associado do departamento de sociologia do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa  e investigador no Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), Portugal. Atualmente é diretor do Observatório das Desigualdades, subdiretor do CIES-IUL, e coordenador científico do COLABOR. Tópicos como as desigualdades socais e territoriais, o Estado social, as políticas públicas, as mobilidades espaciais, e o capital social têm sido os temas principais da sua investigação e dos projetos que coordenou e coordena. Recentemente publicou nas revistas: European Societies, Journal of Civil Society, Sociologia Ruralis, Time & Society, Sociological Research Online, Geoforum, Community Development, European Planning Studies, entre outras. Publicou 26 livros (18 como editor e 8 como autor e coautor), quatro dos quais publicados em editoras internacionais (Berghahn, Palgrave, Springer, Annablume). Preside ao grupo de trabalho sobre indicadores de desigualdades sociais do Conselho Superior de Estatística - Seção permanente de estatísticas sociais (INE). Desde a finalização do doutoramento recebeu vários prémios: prémios científicos ISCTE-IUL por ... [ver mais]
Qualificações Académicas
Licenciatura em Sociologia, Faculdade de Ciência Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, em 1993
Mestrado em Sociologia Aprofundada e Realidade Portuguesa, Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, em 1997
Doutoramento em Doutoramento em Ciências Sociais (Sociologia Geral), Universidade de Lisboa Instituto de Ciências Sociais, em 2006
Áreas de Investigação
Desigualdades Sociais, Estudos urbanos e rurais, Capital social e coesão social, Estados Social e políticas públicas, Mobilidade espacial
Grupos de Investigação
Desigualdades, Migrações e Territórios
Projetos
Publicações Recentes
Informação transferida do Ciência-IUL
W3C